A escritora e educadora Conceição Evaristo no Itaú Cultural

Entre os dias 4 de maio e 18 de junho, o Itaú Cultural apresenta uma exposição dedicada a uma das vozes mais relevantes e necessárias da literatura brasileira contemporânea: a escritora mineira Conceição Evaristo. A mostra marca a 34ª edição do programa Ocupação – que, em 2017, tem como foco apenas a produção de mulheres representativas da arte e da cultura nacionais.

Nascida em 1946, em Belo Horizonte, Conceição compõe sua obra com base no que chama de “escrevivência”, ou a escrita que nasce do cotidiano e das experiências vividas. Em seus romances, contos e poemas, a autora explora sobretudo o universo – a realidade, a complexidade, a humanidade – da mulher negra.

Apesar de escrever desde a juventude, Conceição só se tornou um nome reconhecido no meio literário recentemente. Exemplo disso é o romance Becos da Memória, que a autora produziu a partir de situações vividas e observadas na extinta favela do Pindura Saia, na capital mineira, onde passou a infância e a adolescência. Concluída no final dos anos 1980, a obra foi publicada apenas em 2006, após o lançamento do livro de estreia da artista, Ponciá Vicêncio (2003).

Além de manuscritos, fotos, correspondências e objetos pessoais, a Ocupação Conceição Evaristo traz conteúdos audiovisuais e acessíveis para pessoas com deficiência, e ainda contempla a atuação da escritora no campo da educação – Conceição se mudou de Minas Gerais para o Rio de Janeiro na década de 1970 e, desde então, se dedicou ao ensino.

 

Maria da Conceição Evaristo de Brito nasceu em Belo Horizonte, em 29 de novembro de 1946. De origem humilde, migrou para o Rio de Janeiro na década de 1970. Graduada em Letras pela UFRJ, trabalhou como professora da rede pública de ensino da capital fluminense. É Mestre em Literatura Brasileira pela PUC do Rio de Janeiro, com a dissertação Literatura Negra: uma poética de nossa  afro-brasilidade (1996), e Doutora em Literatura Comparada na Universidade Federal Fluminense, com a tese Poemas malungos, cânticos irmãos (2011), na qual estuda as obras poéticas dos afro-brasileiros Nei Lopes e Edimilson de Almeida Pereira em confronto com a do angolano Agostinho Neto. A escritora participa de publicações na Alemanha, Inglaterra e Estados Unidos.

 

Ocupação Conceição Evaristo

abertura
quarta 3 de maio de 2017
às 20h

visitação
quinta 4 de maio a domingo 18 de junho de 2017
terça a sexta 9h às 20h [permanência até as 20h30]
sábado, domingo e feriado 11h às 20h

piso térreo [indicado para todos os públicos]

Entrada gratuita

 

Itaú Cultural

 

  • Endereço: Avenida Paulista 149 São Paulo SP CEP: 01311 000 [Estação Brigadeiro do metrô]
  • Contatos e Informações Extras: fone 11 2168 1777 fax 11 2168 1775

 

 

(foto Teaser Ocupação Conceição Evaristo no Youtube)

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *