25º Festival do Filme Documentário e Etnográfico Fórum de Antropologia e Cinema

Colaborando com a RAIZ

De 18 de Novembro a 02 de Dezembro de 2021

O forumdoc.bh chega a 2021 completando 25 edições consecutivas trazendo exibições e debates online aliados a projeções presenciais no Cine Humberto Mauro e Galeria Mari’Stella Tristão do Palácio das Artes, em Belo Horizonte. Festival do Filme Documentário e Etnográfico – Fórum de Antropologia e Cinema é realizado pela Associação Filmes de Quintal, em parceria com a UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais).

O foco se volta para três eixos curatoriais e temáticos que norteiam todas as atividades: Fórum de Debates, Exibições presenciais e Vídeo-Instalações.

A programação estará disponível, online e gratuita, de 18 de novembro a 2 de dezembro na plataforma forumdoc.bh.

Dos 46 filmes, alguns têm período de exibição reduzido, bem como sessões exclusivamente presenciais. Já as atividades do Fórum de debates acontecem ao vivo pelo canal do Youtube do festival, enquanto apenas os debates da Comunidades de Cuidado serão em ambiente Zoom, com inscrições prévias via formulário e retransmissão para o Youtube.

forumdoc.bh Divulgação
forumdoc.bh Divulgação

Veja a programação do Fórum de Debates no link: https://www.forumdoc.org.br/programacao/forum-de-debates

Fórum de Debates da Mostra Desaparecimento e Reaparecimento dos Povos e das Imagens: 35 anos de Vídeo nas Aldeias e 25 anos de forumdoc.bh

Os dois encontros irão se realizar nos Jardins Internos do Palácio das Artes com a presença de Vincent Carelli, cineasta, indigenista e coordenador do Vídeo nas Aldeias.

O primeiro debate acontecerá no dia 23/11, terça-feira, 19h e será sobre a vídeo-instalação Inéditos Inevitáveis numa Experiência Sensorial: Fragmentos do Acervo Vídeo nas Aldeias, que estará disponível para visitação na o Espaço Mari’stella Tristão, do Palácio das Artes. Renata Otto, da Filmes de Quintal, fará a mediação entre o público e nosso convidado.

O segundo encontro será no dia 24/11, quarta-feira, também às 19h e será mediado por Claudia Mesquita e Ruben Caixeta. Após a exibição dos filmes A Festa da Moça (1987, 18′, Vincent Carelli); A Arca dos Zo’é (1993, 22′, Vincent Carelli e Dominique Gallois); Eu já fui seu Irmão (1993, 32′, Vincent Carelli), no cine Humberto Mauro, teremos a sessão comentada por Vincent Carelli.

forumdoc.bh Divulgação
forumdoc.bh Divulgação

Veja a programação das Exibições Presenciais no link: https://www.forumdoc.org.br/programacao/exibicoes-presenciais

Sessões Especiais do forumdoc.bh.2021

Em 2021 as sessões especiais do festival vão acontecer em formato híbrido, online, na plataforma do forumdoc e no Cine Humberto Mauro, no Palácio das Artes, em Belo Horizonte.

Nas giras do vento (2020, 25’), de César Guimarães (@cesargguimaraes) e Pedro Aspahan (@pedro.aspahan), tem como sinopse: Mestra dos pontos cantados da umbanda, liderança quilombola e mãe de santo, Maria Luiza Marcelino, vai ao encontro de seus ancestrais escravizados que jazem próximos aos escombros de uma antiga fazenda colonial, por eles construída.

Lá, ela cria, de improviso, um ritual, entre cantos e danças, numa gira entre as gerações e as diferentes temporalidades. Ela abre os caminhos e Iansã vem nos saudar. Filme realizado por professores e alunos do Programa de Formação Transversal em Saberes Tradicionais da UFMG, num esforço contra colonial de transformar a universidade pública brasileira em um espaço pluriepistêmico, abrigando mestras e mestres dos saberes tradicionais como professores de seus saberes no ambiente acadêmico.

O filme Mestre Gê e o Estado da Arte, de Portugal Braga (2021, 86’) estará na plataforma online e terá uma sessão comentada no Sábado, 27/11, 17h, no Cine Humberto Mauro/Palácio das Artes pelos realizadores/as, Gercino Alves (@gercinoalvesbatista) e a Irmandade dos Atores da Pândega. Sua sinopse narra: Mestre Gê é mestre ator, mestre de capoeira angola, mestre do boi da manta, candombeiro, dançante da guarda de Moçambique, mestre carnavalesco, mestre diretor de cinema, mestre agitador cultural e político.

Em seus trinta anos de atuação, ele aprende com outros mestres de diversas vertentes da cultura popular e ensina para qualquer um que em seu quintal se apresenta. Como o boi da manta, a cada vez que se reparte, se multiplica e levanta do chão a alegria de viver. Este filme quer transbordar essa cura como se fosse água.

forumdoc.bh Divulgação
forumdoc.bh Divulgação

Veja a programação das Vídeos Instalações no link: https://www.forumdoc.org.br/programacao/video-instalacao

Vídeo-instalação: “Inéditos inevitáveis numa experiência sensorial: fragmentos do Acervo Vídeo nas Aldeias”

A vídeo-instalação é composta pela projeção de seis trechos audiovisuais inéditos e de conjunto fotográfico como amostra do rico acervo gerado durante 35 anos pelo projeto Vídeo nas Aldeias, em sequências brutas que aparecem como se estivessem esperando para serem observadas, pensadas, debatidas.

Além das projeções fílmicas, a instalação exibe também uma amostra da parte fotográfica do acervo, que dão testemunhos da longa trajetória de trabalho do VNA e da beleza dos povos indígenas no Brasil.

Com material captado por Vincent Carelli com participação de Altair Paixão, a concepção e projeto expográfico é de André Hauck e a coordenação da instalação de Renata Otto e estará integralmente disponível de 18 de nov a 02 de dez, no Espaço Mari’Stella Tristão do Palácio das Artes, em Belo Horizonte.

A instalação integra a mostra Desaparecimento e Reaparecimento dos Povos e das Imagens, com curadoria de Cláudia Mesquita, Junia Torres, Luísa Lanna, Renata Otto, Ruben Caixeta – Classificação indicativa: 16 anos. Três das sequências também estarão disponíveis em nossa plataforma online, como destacadas abaixo.

1. Isolados de corumbiara, Vincent Carelli, 1995, 58’

2. Intercâmbio Krahô, Gavião, Vincent Carelli, 1995, 64’(online)

3. Xavante de Sangradouro, Vincent Carelli, 1995, 62’(online)

4. Wajãpi, Vincent Carelli, 1996, 64’

5. Yanomami da região do Alalaú, Vincent Carelli, 1997, 60’

6. Kaiowa de Panambizinho, Vincent Carelli e Altair Paixão, 1999, 46’ (online)

forumdoc.bh Divulgação
forumdoc.bh Divulgação

SERVIÇO

Veja tudo sobre o forumdoc.bh

https://www.forumdoc.org.br/

Colaborando com a RAIZ